Curitibão

Curitibão

Hoje temos uma moça muito especial completando anos! Não é a moça  especial desse blog. É a moça sorriso de nossas vidas! Sorriso no nome, blasé  no sobrenome… Meio gélida quase sempre e, claro, imprevisível como tudo quanto é charmoso nessa vida!

CURITIBA: 319 anos com carinha de província às vezes, ares de metrópole outras e a 3a cidade mais inteligente do mundo! Só enquanto eu morar aqui RISOS.
Para os não curitibanos este post será uma oportunidade de conhecer a cidade ecológica sentado na janelinha…ou melhor, na jardineira.
Para os curitibanos um convite para – como eu fiz num dia desses em que a cidade fingia um verão – sair pra turistar em sua própria terra! Essa é uma proposta interessante que se estende a qualquer um de qualquer cidade… experimente olhar sua cidade com olhos de primeira vez… Treine o olhar para revisitar as paisagens de todo dia ou descobrir lugares que sempre estiveram ali ignorados. Você pode se surpeender com alguém que não sabia que a Rua das Flores era a Rua XV e que nunca tinha ido na Pedreira Paulo Leminski.

E para a nossa viagem: o Ônibus de Turismo de Curitiba.

A frota é bem nova, ao estilo sight-city de Paris, Barcelona e Londres. Dois andares e torcendo pra Curitiba não sacanear com a previsão do tempo. No verão é gostoso, mas não se engane com o vento – assim como um bom lenço no pescoço o protetor solar é igualmente indispensável! Todas as estações num passeio só… Te lembra alguma coisa?

A saída é na Praça Tiradentes – onde está a catedral da cidade – e com R$20 você tem direito a 4 descidas. Uma dica é: se você vai de casal pode pagar uma só e descer em 2 pontos, se vai de galera pode comprar 4 e não descer nenhuma vez (caso essa seja a idéia)…

O trajeto é muito completo e passa por todos os pontos importantes. São 25 opções e por isso é bom planejar bem quais você quer. Pois, se pretende olhar bem, tirar fotos; o tempo que o ônibus passa não é suficiente! Sem tempo pra descer e comprar uma água, mas não tem drama não… Somos curitibanos mas ainda somos brasileiros…

A cada parada o intervalo entre um ônibus e outro é de meia hora, mas meia hora é pouco pra ficar em alguns lugares. Então a dica de ouro é : comece o passeio cedo. Pense em almoçar em alguma das paradas que possa ficar mais tempo. Caso contrário você vai ficar correndo pra dar tempo de fazer as 4 paradas e não vai aproveitar nada. Eu só consegui fazer 3 – mesmo correndo – porque minha última escolha era a torre panorâmica, que só aceita entrada até as 18h30 se não me engano… Essa ficou pra outro dia!

 

As atrações que mais recomendo são:

Unilivre – Universidade Livre do Meio Ambiente – Um lugar que pouca gente conhece, o primeiro impacto é incrível! Uma enorme pedra, um grande buraco e uma vontade enorme de gritar “Eu rio da cara do perigo” pra ver se faz eco. Uma estrutura em caracol impressionante e que melhora a vista a cada passo que se sobre. Difícil acreditar que é uma Universidade, não fosse ela livre e do meio ambiente. Afinal, numa universidade livre, quem teria a ideia idiota de fazer salas de aula né?


Parque TanguáOutra vista impressionante e construção em harmonia com a paisagem. Você acha que é só uma pracinha legal, quando vai até o fundo e descobre uma floresta e uma queda d’água lá em baixo. Você está em cima de uma rocha! Só vendo… e olha que já mostramos aqui no tutorial do pulo.

Torre Panorâmica 

Pelo clássico prazer de ver as coisas do alto, em miniatura. Brincar de achar a sua casa e os lugares favoritos e para os perdidos geograficamente esse é o momento onde tudo faz sentido. Para alguns uma vontade incontrolável de pular, quem nunca? Um #PulaSandy fatal!

Esta é a única atração em que é vantagem ir no inverno para ver um belo pôr-do-sol. No horário de verão nem começou a anoitecer e eles já estão te expulsando de lá!

O Museu Oscar Niemayer é incrível, especialmente para os não curitibanos que não foram lá 500 vezes, mas é uma atração a parte e vale a pena passar um domingo inteiro. Além do gramado que virou ponto cultural as exposições são sempre boas e grátis no primeiro domingo de cada mês.

Enfim, mesmo pra quem já conhece os pontos turísticos só o passeio panorâmico já vale a pena! A próxima vez que o sol visitar Curitiba, não perca tempo!!!

Mais informações: http://www.curitiba.pr.gov.br/idioma/portugues/linhaturismo

Posted by Amanda

Categorised under Brasil, Curitiba, Paraná
Bookmark the permalink or leave a trackback.

Post a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

*
*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

or